Chafariz de Grandjean de Montigny

Projetado por Grandjean de Montigny em 1846 para compor o conjunto da atual Praça Onze, teve vários pormenores modificados durante a sua construção, o que na época causou protestos dos professores da Academia de Belas Artes. Foi inaugurado em 1850. Em 1943, durante as obras de abertura da Av. Presidente Vargas, deu-se sua remoção para o atual local. De formato circular, em pedra e elementos decorativos em bronze, tem dois tanques intercalados por duas escadarias que dão acesso a uma plataforma de onde parte coluna cilíndrica que sustenta uma elegante taça da qual emerge uma pinha em bronze. Quatro cabeças de leão também em bronze estão colocadas junto à coluna central e parecem sustentar a taça.

Fonte

  • Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro, Diretoria de Parques e Jardins. Monumentos do Rio – Obras de Arte existentes nos Logradouros Municipais, 1983.

Páginas

Mapa

Aquedutos, Fontes e Chafarizes