Histórico do Convento de Santo Antônio

  • 1608 (4 de junho) – Lançamento da pedra fundamental.
  • 1615 (7 de fevereiro) – A Fratenidade se muda para o novo Convento
  • 1670 – Os Frades já são conhecidos como os “Assistentes religiosos dos Recôncavos da cidade” (atual “Baixada Fluminense”).
  • 1675 (15 de julho) – Foi criada a Custódia da Imaculada Conceição, com sede provincial no Convento de Santo Antônio do Rio de Janeiro, sede até 1901.
  • 1683 – Já consta nas Crônicas a pregação da Trezena de Santo Antônio com grande afluência do povo.
  • 1710 – Invasão francesa. A população e os soldados refugiam-se no Convento. Santo Antônio é levado à frente das tropas, que repelem os invasores. Em agradecimento, Santo Antônio recebe o título de “Capitão de Infantaria”, acrescido posteriormente de outros títulos militares.
  • 1730 – Viviam no Convento cerca de 130 Frades.
  • 1747 – 17 de outubro: morre no Convento Frei Fabiano de Cristo, em fama de santidade. 1748 – começam as obras do atual Convento, terminadas em 1780.
  • 1762 – No Convento Santo Antônio, onde então morava, é ordenado padre, no dia 11 de julho, São Frei Antônio de Sant’Ana Galvão.
  • 1776 – Criação, no Convento, de uma Universidade, com 13 cadeiras.
  • 1808 – A Família real institui o costume de uma vez por ano almoçar no Convento de Santo Antônio, “servindo-se da mesma comida e usando os talheres dos Frades”. Dom Pedro I ia quase diariamente ao Convento aconselhar-se. No Convento Santo Antônio foi redigido o Manifesto do “Fico”, lido no Paço no dia 9 de janeiro de 1822. No Convento Santo Antônio foi redigida, em 1823, a Primeira Constituição do Brasil independente.
  • 1885 – Aquartela-se no Convento o 7° Batalhão de Intendência, permanecendo até 1901. 1899 (26 de abril) – Chegam os primeiros franciscanos alemães para restaurar a vida franciscana no Convento de Santo Antônio.
  • 1909 (7 de dezembro) – Falece Frei João do Amor Divino Costa, último Frade da velha Província da Imaculada Conceição.
  • 1910 – Primeira grande restauração do Convento e do Santuário pelos Frades alemães. 1911 – Tentativa de expulsão dos Frades e sequestro do Convento. O povo carioca cerca e salva o Convento. Uma simples portaria de Ministro cassa os soldos devidos a Santo Antônio, que deixaram de ser pagos até hoje.
  • 1937 – Inauguração do Mausoléu, que abriga filhos dos Imperadores [[Família imperial brasileira::Dom Pedro I|Pedro I]] e [[Família imperial brasileira::Dom Pedro II|Pedro II]] e da Princesa Isabel, mortos em criança. Abrigou até outubro de 1954 os restos mortais da primeira Imperatriz do Brasil [[Família imperial brasileira::Dona Maria Leopoldina]].
  • 1953 – Segunda grande restauração do Convento e do Santuário. 1954 – Construção do túnel.
  • 1984 – Inicia-se a terceira grande restauração.
  • 1995 – Lançamento, no Convento, do selo comemorativo dos 800 anos de nascimento de Santo Antônio,
  • 2007 – Começa a quarta grande restauração da Igreja e do Convento.
  • 2008 – Celebração dos 400 anos da Igreja e do Convento. Lançamento de dois selos natalinos, comemorativos da data histórica.

Fonte Folheto Programa da Trezena e Festa de Santo Antônio de 2009 e Histórico dos 400 anos do Convento de Santo Antônio.

Galerias de imagens

Imagem destacada

  • Sacristia do Convento de Santo Antônio.

Mapa – Convento de Santo Antônio e Igreja da Venerável Ordem Terceira de São Francisco da Penitência